Você está Precisando de Cura – Marcos 1:30-34
novembro 20, 2012
Vida: Uma sequência de decisões – João 4.46-53
dezembro 25, 2012

O tempo está passando rápido demais! Essa é uma afirmação que ouvimos com frequência. Dificilmente encontraremos alguém que não compartilhe dessa sensação. São as mesmas 24 horas para cada dia. Entretanto, parece que dezembro de 2012 chegou mais depressa do que em anos anteriores. Você também concorda com essa percepção? Bem, a realidade é que mais um ano está terminando e outro logo começará. Então, vamos refletir um pouco, à luz dos ensinamentos do texto, sobre a importância de investirmos tempo no planejamento? Jesus Cristo aborda essa questão de forma simples e contextualizada. Usa uma situação do cotidiano – a construção de uma obra para nos passar ensinamentos extremamente válidos para esse momento em que se aproxima mais um ano.

I – planejamento vem antes da execução – versículo 28. Como em diversas outras situações nas quais quis ampliar o entendimento dos seus discípulos, Jesus utiliza uma pergunta simples: qual pessoa antes de começar uma construção não analisa antes se as condições são favoráveis ou não? Infelizmente, esse ensinamento que até parece obvio, muitas vezes não é observado. Jesus diz que quem não age dentro desse principio corre o risco de começar e não terminar. Isso já aconteceu com você? E algo freqüente? Aprenda com o Mestre dos mestres que na vida nossas decisões determinam o resultado que vamos produzir. Jesus tem princípios de sabedoria para a sua vida. Convide-o para ser o seu Senhor e Conselheiro.

II – planejamento gera bons resultados – versículos 29 e 30

Durante toda a nossa existência, precisamos tomar decisões importantes. Algumas delas mudam não somente o nosso destino, mas afetam a vida futura de varias gerações. O resultado da colheita dependerá do que plantamos agora. Uma decisão mal planejada por vezes traz consequências difíceis de serem superadas – prejuízos de recursos e tempo, frustração, retrocesso, e outras. Jesus ensina que devemos edificar nossa vida sobre a Rocha, que é Ele mesmo (Lucas 6:48). Isso significa convidá-lo desde o início, desde a elaboração do planejamento de nossas ações. Assim estaremos firmados nEle e não conheceremos a queda. Experimente essa segurança que somente Jesus Cristo e capaz de oferecer. Peça-lhe a direção e planeje com sabedoria as ações que te conduzirão aos resultados que espera.

III – Planejamento gera alternativas – versículos 31 e 32. É comum, especialmente no final de um ano e início de outro, pensarmos nos caminhos que precisaremos seguir para superar as dificuldades e chegarmos a resultados cada vez melhores nas mais diversas áreas da nossa vida. Mas parece que depois esquecemos tudo e ligamos o piloto automático. Aí, abandonamos rapidamente os objetivos inicialmente traçados e corremos em busca de remendos. Não é essa a lição que o Mestre deixou registrada nas Escrituras. Nos versos em destaque a orientação é clara: precisamos buscar conselhos, analisar e vislumbrar um plano alternativo. Para os desafios da vida, Deus sempre nos apresenta vários caminhos. Somente para a salvação é que existe apenas um caminho: Jesus. Convide-O agora para iluminar seus caminhos.

CONCLUSÃO: Um novo ano, forcas e esperanças renovadas. Pode ser que em 2012 você tenha falhado no seu planejamento e, consequentemente, na execução de seus projetos. Mas o evangelho ensina que é sempre é possível recomeçar. Então, no novo ano que em breve terá início, vamos seguir fielmente os ensinamentos de Jesus Cristo. Planejamento é um ato de sabedoria, inteligência e disciplina que nos conduzirá aos resultados positivos e alternativas surpreendentes. Cumpra com excelência a missão pela qual Deus te colocou nesse mundo. O passo fundamental e ter Jesus Cristo como seu Salvador, Senhor e Mestre. Decida-se por Ele agora mesmo!

E dezembro chegou – Lucas 14:28-32

O tempo está passando rápido demais! Essa é uma afirmação que ouvimos com frequência. Dificilmente encontraremos alguém que não compartilhe dessa sensação. São as mesmas 24 horas para cada dia. Entretanto, parece que dezembro de 2012 chegou mais depressa do que em anos anteriores. Você também concorda com essa percepção? Bem, a realidade é que mais um ano está terminando e outro logo começará. Então, vamos refletir um pouco, à luz dos ensinamentos do texto, sobre a importância de investirmos tempo no planejamento? Jesus Cristo aborda essa questão de forma simples e contextualizada. Usa uma situação do cotidiano – a construção de uma obra para nos passar ensinamentos extremamente válidos para esse momento em que se aproxima mais um ano.

I – planejamento vem antes da execução – versículo 28. Como em diversas outras situações nas quais quis ampliar o entendimento dos seus discípulos, Jesus utiliza uma pergunta simples: qual pessoa antes de começar uma construção não analisa antes se as condições são favoráveis ou não? Infelizmente, esse ensinamento que até parece obvio, muitas vezes não é observado. Jesus diz que quem não age dentro desse principio corre o risco de começar e não terminar. Isso já aconteceu com você? E algo freqüente? Aprenda com o Mestre dos mestres que na vida nossas decisões determinam o resultado que vamos produzir. Jesus tem princípios de sabedoria para a sua vida. Convide-o para ser o seu Senhor e Conselheiro.

II – planejamento gera bons resultados – versículos 29 e 30

Durante toda a nossa existência, precisamos tomar decisões importantes. Algumas delas mudam não somente o nosso destino, mas afetam a vida futura de varias gerações. O resultado da colheita dependerá do que plantamos agora. Uma decisão mal planejada por vezes traz consequências difíceis de serem superadas – prejuízos de recursos e tempo, frustração, retrocesso, e outras.  Jesus ensina que devemos edificar nossa vida sobre a Rocha, que é Ele mesmo (Lucas 6:48). Isso significa convidá-lo desde o início, desde a elaboração do planejamento de nossas ações. Assim estaremos firmados nEle e não conheceremos a queda. Experimente essa segurança que somente Jesus Cristo e capaz de oferecer. Peça-lhe a direção e planeje com sabedoria as ações que te conduzirão aos resultados que espera.

III – Planejamento gera alternativas – versículos 31 e 32. É comum, especialmente no final de um ano e início de outro, pensarmos nos caminhos que precisaremos seguir para superar as dificuldades e chegarmos a resultados cada vez melhores nas mais diversas áreas da nossa vida. Mas parece que depois esquecemos tudo e ligamos o piloto automático. Aí, abandonamos rapidamente os objetivos inicialmente traçados e corremos em busca de remendos. Não é essa a lição que o Mestre deixou registrada nas Escrituras. Nos versos em destaque a orientação é clara: precisamos buscar conselhos, analisar e vislumbrar um plano alternativo. Para os desafios da vida, Deus sempre nos apresenta vários caminhos. Somente para a salvação é que existe apenas um caminho: Jesus. Convide-O agora para iluminar seus caminhos.

CONCLUSÃO: Um novo ano, forcas e esperanças renovadas. Pode ser que em 2012 você tenha falhado no seu planejamento e, consequentemente, na execução de seus projetos. Mas o evangelho ensina que é sempre é possível recomeçar. Então, no novo ano que em breve terá início, vamos seguir fielmente os ensinamentos de Jesus Cristo. Planejamento é um ato de sabedoria, inteligência e disciplina que nos conduzirá aos resultados positivos e alternativas surpreendentes. Cumpra com excelência a missão pela qual Deus te colocou nesse mundo. O passo fundamental e ter Jesus Cristo como seu Salvador, Senhor e Mestre. Decida-se por Ele agora mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *