A dor da traição – Lucas 22:54-62
fevereiro 23, 2011
O VISÍVEL NÃO FOI FEITO DO QUE SE VÊ – Hebreus 11:1-6.
março 2, 2011

Ninguém gosta de sofrer ou sofre por opção. Mas a realidade é que, independente do nosso desejo, as adversidades da vida nos alcançam. E não há exceções. Elas atingem ricos e pobres, cultos e iletrados, crianças, jovens e adultos. Entretanto, as adversidades possuem tesouros escondidos que podem nos conduzir a uma vida rica em oportunidades e bons resultados. Olhando para Jesus, vamos descobrir o poder das adversidades para nos transformar, desde que sigamos os Seus princípios e orientações. Com base no texto vemos que para extrairmos lições preciosas das adversidades precisamos:

I – APRENDER A LIDAR COM A REALIDADE – Jesus nos dá um choque de realidade quando fala “no mundo vocês terão aflições”. O sentido de “mundo” é o conjunto de circunstâncias vivenciadas por aqueles que respiram o fôlego da vida. E as aflições são as adversidades inerentes aos que permanecem no mundo, ou seja, estão vivos. É importante entender que algumas adversidades têm origem nas nossas próprias atitudes e escolhas. Outras independem das nossas ações e comportamentos. De qualquer modo, se seguirmos os exemplos de Jesus e observarmos o Seu comportamento diante das adversidades, certamente conseguiremos enxergar a grande oportunidade de aprendizado, de crescimento e de transformação resultantes de lutas e perdas. Para isso são necessárias duas decisões principais:
1. Seguir a Jesus Cristo de modo muito prático e no seu dia-a-dia;
2. Ser uma pessoa melhor após cada luta.
Somente com Jesus você terá a força e a sabedoria para se firmar nesses propósitos. Tome posição agora mesmo! Convide-O para ocupar lugar de honra em seu coração.

II – APRENDER A VENCER O DESÂNIMO – Jesus Cristo revela sua atenção para um aspecto da nossa psique (mente) responsável pela energia que nos conduz à ação – o ÂNIMO. Ele diz: “tenha bom ânimo”. Quando o desânimo se aloja tudo fica muito mais difícil. Desânimo pode estar associado a muitos outros fatores, como, por exemplo: falta de fé, de esperança, de visão, de perspectiva em relação ao futuro. Como vencer tudo isso? Onde encontrar forças? A resposta é: seguindo o modelo construído pelo Mestre de Nazaré. Ao estudarmos a Bíblia encontramos vários relatos de Jesus enfrentando lutas, tais como: prisões, açoites, humilhações, morte. Você é capaz de se lembrar de episódios que comprovam esses fatos? Olhando para o comportamento de Jesus podemos entender que as adversidades da vida não têm o poder de nos destruir ou desviar do bom caminho. Num ato de fé, convide-O para estar sempre ao seu lado.

III – APRENDER QUE NÃO EXISTE VITÓRIA SEM LUTA – Tem sido cada vez mais comum as pessoas procurarem as religiões e as igrejas em busca de bênçãos e milagres. Mas muitos não compreendem que Deus nos criou com grande potencial e liberdade de escolhas. Como já dito antes, um número considerável de adversidades que enfrentamos foram causadas por nossas decisões equivocadas. Outras aconteceram independentes da nossa atuação. Em qualquer das situações, uma parte das soluções dependerá das nossas atitudes. E a parte de Deus? Ele nos presenteou com o maior Mestre de todos os tempos. Jesus disse: “aprendei de mim”; “façam o que vos mando”; “Eu sou o Caminho”. Quer ter êxito em todas as áreas da vida? Baseie todas as suas ações nos exemplos de Cristo. Aceite-O agora como o seu Mestre e Senhor.

CONCLUSÃO: É muito comum encontrar pessoas que afirmam ser “cristãs”. Só que em meio às adversidades suas ações denunciam que estão distantes do padrão de comportamento ético, emocional e espiritual de Cristo. Então, se você sinceramente reconhece que as suas atitudes não espelharam Jesus Cristo, corrija agora mesmo sua rota e torne-se verdadeiramente CRISTÃO. Convide o Grande Mestre Jesus para assumir o controle da sua vida e aproveite o poder transformador das adversidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *