Ajudando o líder a superar problemas pessoais
julho 20, 2016
A Felicidade está ao seu alcance
agosto 7, 2016

A nossa vida é resultado de uma sequência de decisões. Basta olharmos para um dia e será impossível identificar todas as decisões que tomamos. Isso porque algumas são involuntárias ou impensadas. Você pode lembrar-se de pelo menos três decisões que tomou no dia de hoje? E na sua vida, quais foram as decisões que lhe causaram mais impacto? Foram bons os resultados? No texto que lemos a decisão de um homem significou a diferença entre a morte e a vida.

Não sabemos o nome dele, mas a Bíblia relata o acontecimento para que possamos aprender que diante de situações difíceis e delicadas precisamos decidir e agir. Vamos ver quais foram as atitudes daquele homem diante do grave problema de saúde do seu filho:

Percebeu a oportunidade

A Bíblia diz que quando ele ouviu falar que Jesus tinha chegado foi procurá-lo. Além disso, suplicou-lhe pela cura do seu filho (v.47). Essas atitudes nos ensinam que precisamos ter o senso da oportunidade. Quantas vezes sabemos que precisamos agir, mas deixamos para depois. Isso acontece em todas as áreas de nossas vidas – trabalho, estudos, relacionamentos.

Neste momento você só está aqui porque decidiu aproveitar esta oportunidade. Mas muitos perderam a oportunidade. Pois saiba que, pela fé, você está tendo o seu encontro de milagre com o Mestre Jesus. Para isso, decida, em oração, buscar a Jesus e suplicar-lhe que atenda as suas necessidades (Jeremias 29.13). Faça isso agora mesmo.

Foi específico no seu pedido

“Senhor, venha antes que meu filho morra” (v.49). O oficial do rei sabia exatamente o que queria. Ele expressou claramente a sua necessidade para Aquele que podia agir com poder. Vivemos em uma sociedade repleta de pessoas que não sabem o que querem; não possuem direção e nem firmeza. Um dia querem, no outro não. Num momento crêem, em outro duvidam. Mas o Senhor, diante da firmeza do pedido, atendeu prontamente: “O seu filho continuará vivo”.

A Palavra nos ensina que podemos e devemos colocar diante de Deus as nossas petições (Lucas 11.9). Você pode estar a uma oração de distância do alcance de seus objetivos. Então, decida orar…

Confiou em Jesus

v.50 – Você acha que as pessoas confiam com facilidade? Vivemos em uma sociedade que pratica o princípio da desconfiança. Mas isso não é recente. Mesmo entre os discípulos de Jesus houve momentos de pura incredulidade (João 20.25). A Bíblia nos ensina a andar pela fé. Se não acreditarmos em nós mesmos, nas pessoas, nos resultados de nossas ações, estaremos condenados aos fracassos. E se não confiarmos em Deus, a vida perde o sentido.

A fé é a chave da vitória e é também uma questão de decisão. O texto diz que na hora em que Jesus falou que o filho continuaria vivo a febre passou (v.53). Há poder em Jesus. Decidir confiar nEle é apropriar-se desse poder.

CONCLUSÃO:

Saiba que estar em contato com esses ensinamentos bíblicos significa que você está diante de uma grande oportunidade de decisão. E as decisões que tomamos podem mudar completamente as nossas vidas. do que pedimos ou até pensamos (Efésios 3.20).

Portanto, aproveite a oportunidade e busque ao Senhor Jesus de todo o seu coração. Não use rodeios ou atalhos; vá direto ao assunto. Diga a Ele qual é a sua real situação e necessidades. E confie. O Senhor é poderoso para fazer mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *